Estúdio amazonense consegue editora e lança graphic novel “The Midnight Witch”

Publicado em 4 de Maio de 2017 | Por Bruno Graça | Manaus, Notícias, Quadrinhos

A Bruxa da Meia Noite é uma personagem criada pelo amazonense Paulo Yonami e que já figurou entre as histórias do almanaque lançado pela House 137 no ano passado. Agora a bruxa Leona vai ganhar a própria Graphic Novel em “The Midnight Witch: Neverending Nights”, e que será publicada pela editora Lendari.

Parceria amazonense

Graças à parceria com a Editora Lendari, também amazonense, foi possível lançar uma revista da Leona. “Foi uma coincidência muito agradável descobrir que a Lendari era uma editora amazonense e que o editor da mesma, Mário Bentes, é uma pessoa tão aberta a ideias”, contou Paulo Teles Yonami, um dos criadores do estúdio. “Tenho certeza de que esta parceria surgiu para alavancar esta obra e abraçá-la com tanto empenho de modo que pudemos programar o lançamento para este ano, que é tão movimentado de eventos”, completou.   

 

Dentro das noites sem fim

A hora de retornar ao mundo sombrio da bruxa da meia-noite finalmente chegou e os fãs terão oportunidade de conhecer um pouco mais sobre a história de Madika Leona e de sua ajudante, Karmen Kay; já os novatos deste mundo vão ter a oportunidade de conhecer este rico universo sombrio.

“Para a criação das histórias da graphic novel estamos pegando como referência diversos contos, mitos e personagens reais de várias culturas. Já que a Leona é uma espécie de arqueóloga/antropóloga e coleciona artefatos e memórias de suas viagens a mundos e épocas, podemos esperar então diversas referências em suas viagens”, revelou Paulo. “Na obra, a própria Leona nos mostra que diversas coisas estão destinadas a acontecer, porque nada acontece por mero acaso”, completou.  

Na antologia, os leitores terão oportunidade de conhecer mais sobre o universo que cerca a bruxa da meia-noite e as consequências do uso da magia. “Vamos apresentar melhor sobre a história de Leona e falar principalmente da maldição que lhe aflige em suas viagens, as ‘feridas do tempo’”, disse.

A ajudante e aprendiz, Karmen Kay, também terá uma história devidamente trabalhada, onde será contada a sua origem. “Será uma história forte e dramática sobre confiança e traição bem ao estilo dos Castlevania modernos”, adiantou Paulo.

Paulo Teles contou ainda que o epílogo “será uma surpresa muito bem guardada” que os artistas reservarão para os leitores da graphic novel, deverá ter, além do epílogo, três histórias em uma publicação de 80 páginas.

Os magos dos textos e traços

Participarão da obra os(as) ilustradores(as) Amelia Woo (Gates of Midnight), Eduardo Vienna (Evil Dead), Emanuel Braga (Red Agent), Kewber Baal (Kiss), Manuel Preitano (Robyn Hood), Mirka Andolfo (DC Bombshells, Mulher Maravilha) e Vincenzo Cucca (She-Hulk), além dos(as) roteiristas Ana Carolina Medeiros, Rodrigo Monteiro (Zombie[SIDE]) e Troy Brownfield (Blood Queen vs. Dracula, Spirit Hunters e Zombie[SIDE]). No time estão também Paulo Teles e o coautor Rodrigo Ovelha.

Lançamento na CCXP

O almanaque da bruxa da meia-noite já ganhou uma data e um local para estreia devidamente pensada: a Comic Con Experience (CCXP) 2017, que vai acontecer de 7 a 10 de dezembro em São Paulo.

“Atualmente, é comum ouvir que a CCXP é o maior evento de cultura geek do mundo, por isso é de extrema importância participarmos de eventos deste porte”, disse. “E com o lançamento na CCXP, os nossos fãs poderão não apenas prestigiar o evento de cultura pop, como também a sua revista favorita”.

O estúdio não é novato na CCXP; participou do evento no ano passado, representado pelo produtor executivo Rodrigo Ovelha e pelo King of the Freak Show, Coveiro Maldito. “A equipe da House 137 teve uma calorosa recepção dos fãs em sua mesa no Artist’s Alley com o lançamento do bem sucedido ‘Zombie (SIDE)#01’”, relatou.

Ainda de acordo com Paulo, logo após a CCXP 2017, serão divulgados a data e o local para lançamento em Manaus.

Sobre a House 137

A House 137 é um estúdio e escola de quadrinhos independentes, composto em sua maioria por artistas amazonenses remanescentes da fanzine Hyper Comix. “Temos parcerias com artistas não apenas do Brasil como de várias partes do mundo, com os quais realizamos projetos de HQ autoral com intuito de difundir não apenas suas histórias como suas artes, para que todos os artistas que atendem a qualidade exigida pelo mercado internacional possam publicar seus próprios projetos independentes”, relatou Paulo.

Para conhecer mais sobre o estúdio, acesse o Facebook ou o site.


UPDATE 16/05/2016

E a revista acabou de adquirir mais um mago poderoso dos traços; tratasse do prêmio famoso e premiado Mike Deodato.

“O Mike Deodato fez parte da Zombie (SIDE), se tornando inclusive padrinho dela, e foi só atualmente que conseguimos fechar a negociação para ele realizar o prefácio da revista”, contou Paulo.

O currículo do autor é extenso e inclui títulos como Mulher Maravilha, Hulk, Thor e até Xena.


Sobre o Autor

é um jornalista, assessor e pau pra toda obra. Adora séries de investigações criminais e o canal Investigação Discovery. Curte: mangás, jogos em geral, Doctor Who, RPG, dinheiro, contar mentiras absurdas (?) e testar a paciência das pessoas. Revés: bipolar.

Comentários