YouTubers de Manaus | Lari Arlequina

Publicado em 28 de julho de 2016 | Por Ayrton de Oliveira | Entrevistas

O Mapingua Nerd abre as portas para os YouTubers de Manaus. Durante algumas semanas, traremos alguns desses produtores de conteúdo locais para falar um pouco sobre como é trabalhar com o YouTuber em terras baré.

A primeira entrevistada foi a Lari Fernandes, do canal Lari Arlequina. A Lari já possui mais de 1 milhão de visualizações e 36.700 inscritos em seu canal.

Confere só a entrevista que ela deu pro Mapingua Nerd:


MN – Como surgiu a ideia para criação do canal e quando botou a ideia em prática?

LA – Bom, eu tava no 3º ano do Ensino Médio e daí meu amigo e eu assistíamos muitos canais no YouTube. Num certo dia ele apareceu com o nosso canal pronto pra postar os vídeos e daí a gente começou a fazer. Um mês depois ele quis parar com o canal e nesse tempo eu já tinha conhecido outros YouTubers, então eu fiz o Lari Arlequina, continuei e estamos aí até hoje.

MN  Como você concilia a sua vida pessoal e a produção de conteúdo para o YouTube?

LA – Eu tiro o final de semana pra gravar todos os vídeos da semana. Quando não dá, gravo à noite e tudo mais. Atualmente estou de férias e conseguindo fazer tudinho, mas quero ver quando eu voltar a estudar e postar 3 vídeos por semana… tenho pena de mim hahaha.

MN Na sua opinião, é possível viver apenas trabalhando como YouTuber?

LA – Não diria que só com o YouTuber (adsense). Quando você fica reconhecido vem outras empresas para patrocinar e é com esses patrocínios/eventos/produtos que você consegue viver. Conheço vários amigos meus que só vivem de internet e da sua imagem.

MN  Você que faz a própria edição do seu canal? Acha que deve melhorar em alguma coisa?

LA – Atualmente sou eu sim que edito os meus vídeos, mas uns meses atrás eu tinha um editor, só que ele começou a ficar ocupado com outras coisas e então dei um tempo pra ele. Ele continua editando pra mim, mas só vídeos que eu quero que tenham uma pegada mais profissional. E eu preciso aprender a editar melhor sim, mas a preguiça não é mole não e editar vídeo dá um trabaaaaaalho.

MN – Qual a frequência em que posta vídeos para o canal?

LA – Antigamente eu postava quando achava melhor, mas como o meu canal não estava tendo um foco, decidi ter um cronograma, porque tem pessoas que me pedem gameplay, outras vlogs Então eu atualmente posto 3 vídeos por semana. Segunda gameplay, quarta vlog e sexta o Top5Sexys.

MN  É difícil ser YouTuber em Manaus? Qual é a maior diferença entre ser YouTuber daqui e de outros estados?

LA – MUUUUIIIIITOOOOO!!!!! Porque parece que o YouTube ainda não chegou pras empresas daqui, então elas estão optando muito mais por Blogueiros/Instabloggers/Facebookers que por YouTubers, daí é foda conseguir patrocínio ou algo do tipo.

Maior diferença? Hmmmm… Eu tenho um problema muito grande que é SAIR DE MANAUS. As passagens de avião são um ABSURDO de caras, então os eventos voltados para YouTubers/Gamers ficam todos em São Paulo, e ficar indo pra lá, eu que não tenho nenhum patrocínio, é bem difícil. Lá é que está a concentração de YouTubers, lá que você aprende melhor a como administrar o seu canal. Obs: Patrocina nóis.


Caso alguém queira indicar um canal local, ou até mesmo tenha um canal e queira aparecer por aqui, envie um e-mail para ayrton@mapinguanerd.com.br que a gente conversa.


Sobre o Autor

"Ele é um deus, ele é um homem, ele é um fantasma, ele é um guru." Apaixonado por filmes, costumo ser o Batman nas horas vagas e San Junipero até às 00:00. Sou fascinado por Doctor Who, e queria ter uma caixa azul maior por dentro. Fora isso, já falei que amo filmes?

Comentários

  • Samara Silveira

    Gente, chama o Gabriel Mar do Maremoto TV. Ele é sensacional!