Spoiler Pipoca | Precisamos falar sobre Nostalgia

Publicado em 9 de outubro de 2016 | Por Ayrton de Oliveira | Cinema, Spoiler Pipoca

Apesar do nome, o Spoiler Pipoca não vai te dar spoiler (nem pipoca). Sente e aproveite.

Perdão se já começo datando um pouco este post. O primeiro trailer de Power Rangers acabou de sair – você aí do futuro, pode contar como o filme foi – e acabo vendo inúmeras postagens sobre pessoas que gostaram do que viram.

Algo me preocupou um pouco, muita gente gostaria de ver as poses clássicas, faíscas saindo dos rangers, explosões de cores ao virarem as costas, e isso me faz pensar. Não que eu não queira ver essas coisas, longe disso. Acontece que se tomarem um caminho ousado, diferente do que as pessoas estão esperando, críticas podem surgir, e vão falar que o filme não agradou justamente por não ser nostálgico. Aí é que entra o tema deste Spoiler Pipoca: a Nostalgia pode acabar nos matando.

Nostalgia é um termo que descreve uma sensação de saudade idealizada, e às vezes irreal, por momentos vividos no passado associada com um desejo sentimental de regresso impulsionado por lembranças de momentos felizes e antigas relações sociais.

Faz algum tempo que venho pensando no quanto a nostalgia pode atrapalhar. Esse sentimento vem de uma forma surpreendente e nem sempre de forma eficaz. Se existe algum exemplo de série que conseguiu fazer isso bem, estamos falando de Stranger Things.

Eu considero Stranger Things uma série inovadora. Por mais que tenha feito muita nostalgia, a série trouxe os anos 80 de volta em uma maneira boa. Afinal, agora as produtoras possuem dinheiro para fazer algo saudosista, e não apenas algo tosco.

Stranger Things bebeu da fonte das melhores produções dos anos 80. Parte dos membros do Mapingua Nerd sentiu isso. A infância deles ainda era muito ligada aos anos 80, então puderam lembrar de Goonies, E.T – O Extraterrestre, Conta Comigo, Poltergeist, e por aí vai.

179304-de-stranger-things-1-temporada-e-ova-624x0-1

Em mim, o sentimento de nostalgia não foi grande. Aliás, eu nem sei se me senti nostálgico assistindo Stranger Things. Eu sou uma criança dos anos 90 e muitos dos filmes a que a série fazia referência são filmes que eu assisti após minha infância, alguns deles até mesmo recentemente. 

Por um outro lado, Power Rangers me traz o maior sentimento de nostalgia que eu possa sentir. Power Rangers é parte da minha infância e até mesmo um pouco da vida adulta. Eu sinto que certas coisas podem trazer um sentimento bom ao assistir o filme, como a frase “Hora de morfar”, ou mesmo o Alpha falando “Ai ai ai ai ai”, são coisas aceitáveis. A partir do momento em que explosões exageradas, coreografias toscas e monstros crescendo sem razão aparente entram em cena, isso pode ser um pouco ruim. Não são coisas necessárias para o filme ser bom, isso é tratar o expectador ainda como uma criança. Não é usar a nostalgia de uma forma afetiva, isso faria apenas a produção ficar tosca, o mais certo seria respeitar o passado e abraçar um novo futuro.

Você ainda vai ver um Spoiler Pipoca falando exclusivamente de remake, dito isso, quero frisar algo. O excesso de remakes e revivals (no caso das séries) é preocupante. Nem sempre as produções são boas. Podemos ter desde Jurassic World, que traze dinossauros ainda maiores e inúmeras referências ao clássico de Spielberg, como também podemos ter um Exterminador do Futuro: Gênesis, que não respeita nem a própria cronologia da série, faz uma bagunça e só serve pra tentar trazer um falso sentimento de nostalgia.

ligqnrz

O filme que até então parece ser o mais promissor, misturando nostalgia com novas aventuras, é Animais Fantásticos de Onde Habitam.  Passa no mesmo universo de Harry Potter, mas não precisa do personagem para ser bom – é o que esperamos. Nesse novo longa, várias referências são feitas ao universo bruxo criado por J.K. Rowling, como os feitiços que os fãs já conhecem, sendo assim, estão respeitando o passado. Também é possível notar que novas peculiaridades estão sendo atribuídas, como novos animais e todo um sistema bruxo estadunidense, desse jeito estão abraçando o futuro para uma nova saga.

Claro que para um amante de cinema nunca vai faltar novidade, com cada vez mais filmes sendo lançados, sejam no cenário independente ou no ramo dos Blockbusters. Também não acho que Hollywood esteja em uma fase de pouca criatividade. Claro, muitos remakes e filmes nostálgicos estão sendo lançados, mas muita coisa boa também está chegando aos cinemas.

O sentimento de nostalgia é algo bom, mas esperamos que os filmes que estejam surgindo saibam até onde é bom ousar em ser nostálgico. Um dos maiores exemplos que posso lembrar é o do Superman em Man of Steel. Tivemos um filme novo do herói e muitas pessoas queriam a música clássica do Superman tocando no filme. Não me levem a mal, essa música é linda, mas colocando no contexto de um novo filme de herói em um universo mais pé no chão e sombrio, não faria muito sentido.

Um fã imaginou como seria o filme Man of Steel com a música clássica do Superman.

E você. O que espera de Power Rangers? O que espera de mais filmes nostálgicos? Concorda ou discorda? Deixa aí um comentário, e lembrando que sugestões de temas para os próximos Spoiler Pipoca são sempre bem vindas. Até a próxima!

Sobre o Autor

"Ele é um deus, ele é um homem, ele é um fantasma, ele é um guru." Apaixonado por filmes, costumo ser o Batman nas horas vagas e San Junipero até às 00:00. Sou fascinado por Doctor Who, e queria ter uma caixa azul maior por dentro. Fora isso, já falei que amo filmes?

Comentários