Seção Grandes Roteiristas: Steven Zaillian, de A Lista de Schindler e Gangues de Nova York

Publicado em 27 de Abril de 2016 | Por Alberto Carvalho | Cinema

E aí pessoal! Tudo tranquilo? Espero que sim. E voltamos hoje com mais um post sobre esses profissionais que tem a gigante tarefa de criar ou adaptar obras que vão para as telonas. Se você ainda não leu os últimos posts dessa série, não se preocupe, clique aqui e dê uma conferida.


Hoje vou apresentar alguém que já trabalhou com Spielberg, Scorsese e David Fincher (só gente fraca!). Senhoras e senhores, Steven Zaillian!

zaillian

Filho de um repórter de rádio da Armênia, Steven cresceu escutando histórias sobre o genocídio armeno durante o Império Otomano, o que se mostra bastante presente em seus roteiros ao longo de sua carreira, seja num povo oprimido ou em algum personagem discriminado. Graduou-se em cinema em 1975 na Universidade do Estado de São Francisco. Dois anos depois, já tinha seu nome escrito nos créditos de grandes produções.

awakenings_640x360

O primeiro grande filme de Steven chega aos cinemas em 1990, Tempo de DespertarBaseado no livro homônimo, o longa conta a história do neurologista Malcolm Sayer (Robin Williams) que ao começarseu novo emprego num hospital psiquiátrico do Bronx, nota que vários dos pacientes catatônicos estão apenas “adormecidos”, e que se medicados de maneira correta, podem enfim “despertar”. Ele então escolhe Leonard Lowe (Robert De Niro) para aplicar a medicação, que acaba sendo um sucesso. O filme rendeu a Steven sua primeira indicação ao Oscar, na categoria de melhor roteiro adaptado.


Em 1993 é lançado um dos maiores dramas sobre guerra já feito. O sr. Zaillian escreve para Spielberg A lista de Schindler

Sem dúvidas um clássico do cinema. O enredo acontece durante a segunda guerra mundial e mostra Oskar Schindler (Liam Neeson), um homem de negócios extremamente ardiloso que se dava muito bem com o partido nazista. Ainda assim, ele amava o ser humano e fez o impossível, a ponto de perder a sua fortuna, para conseguir salvar mais de mil judeus dos campos de concentração.

Essa obra prima levou nada mais, nada menos, que 7 estatuetas do Oscar e Steven levou a sua por melhor roteiro adaptado.


Em plena Nova York de 1840, o jovem Amsterdam (Leonardo DiCaprio) busca se vingar de William “The Butcher” Cutting (Daniel Day-Lewis), o assassino de seu pai (Liam Neeson), que era o líder da gangue Dead Rabbits. Essa é a plot de Gangues de Nova York outro grande sucesso escrito pelo roteirista e dirigido pelo mestre Martin Scorsese.

O filme chegou às telonas em 2002 e rendeu mais uma indicação ao Oscar para nosso amigo Steve.


Já em 2012 chega às salas a adaptação de David Fincher (existe a versão sueca do filme) do livro de Stieg Larsson, e Fincher chamou Sr. Zaillian para adaptar para o cinema Millenium – Os Homens que Não Amavam as Mulheres.

Na trama, Mikael Blomkvist (Daniel Craig) é um jornalista determinado a restaurar sua honra depois de ser condenado na justiça por difamação. Ele é contratado por Henrik Vanger (Christopher Plumme), um dos industriais mais ricos da Suécia, para investigar o desaparecimento de sua sobrinha Harriet (Moa Garpendal), há 36 anos. Para este trabalho, Mikael tem de se mudar para uma ilha remota na costa gelada da Suécia sem saber o que o aguarda. Ao mesmo tempo, Lisbeth Salander (Rooney Mara), hacker da Milton Security, e responsável pelas provas que sentenciaram Mikael, é contratada pelo próprio para auxiliá-lo na investigação de quem matou Harriet.

Existem muitos outros longas no currículo de Steven Zaillian. Eletambém escreveu os roteiros de Missão: Impossível (1996), Hannibal (2001), O Gângster (2007),  O homem que mudou o jogo (2011) e Exodus: Deuses e Reis (2014).

Agora me diga: qual desses filmes você gostou mais? Comenta aqui embaixo e vamos trocar uma ideia sobre o trabalho desse profissional brilhante. Semana que vem apresentaremos mais um grande roteirista. Até lá!


Sobre o Autor

estuda administração, produz vídeos para o Youtube (youtube.com/plotbr) e adora dormir. Ama cinema, quadrinhos, tecnologia e estranhamente também gosta de esportes.

Comentários