Evocando ‘Starman’, de David Bowie, editora abre seleção para antologia de ficção científica

Publicado em 20 de fevereiro de 2016 | Por Mário Bentes | Literatura, Manaus, Notícias

Após lançar com sucesso, em dezembro de 2015, a antologia Quando a selva sussurra: contos amazônicos, a editora amazonense Lendari agora prepara seu mais novo título. A obra O último Gargalo de Gaia: distopias, steampunk e dias finais pretende seguir a linha de filmes comoInterestellar (2014), de Christopher Nolan, Melancholia (2011), de Lars von Trier, e o clássico Contato (1997), filme de Robert Zemeckis baseado no livro homônimo de Carl Sagan.

A proposta, de acordo com o escritor Mário Bentes, responsável pela análise e seleção dos originais que virão a compor o livro, é usar a ficção científica apenas como pano de fundo para narrativas dramáticas ou de cunho filosófico e existencial. A ideia é que a obra reúna contos que tratem de extinção em massa no planeta ao mesmo tempo em que questionem o papel do ser humano sobre o mistério da vida no Universo.

Bentes afirma, ainda, que o novo título da editora – que será lançado inicialmente apenas na versão digital (e-book) – evoca um dos sentidos metafóricos possíveis na canção ‘Starman’, de David Bowie (1947-2016), lançada em 1972 no single ‘The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders From Mars’. A música chegou a ter uma versão nacional escrita e gravada pela banda Nenhum de Nós, com o título ‘O astronauta de mármore’, de 1989.

“Um marciano que deseja mudar a humanidade através da música, do amor e de mensagens de paz. Mas até que ponto nós, os humanos, estamos prontos para isso? A própria canção original diz, em certa altura, que o marciano adoraria vir nos encontrar, mas acredita que o encontro poderia ‘confundir’ nossas ideias. Talvez não estejamos prontos nem para zelar pelo próprio planeta que nos abriga, imagine lidar com a vastidão do Universo”, avalia Bentes.

Inscrições até 31 de maio

A editora abriu inscrições no dia 15 de fevereiro, por meio de seu site (http://www.lendari.com.br/o-ultimo-gargalo-de-gaia/), e seguirá recebendo originais até 31 de maio. Podem participar autores brasileiros, natos ou naturalizados, e maiores de 18 anos. Cada autor interessado poderá submeter até três contos, todos com tamanho mínimo de cinco e máximo de dez páginas. “O material submetido precisa ser inédito e estar de acordo com a proposta da antologia. Temas com temática sobrenatural, terror e similares, por exemplo, não serão aceitas”, diz Bentes.

Os autores também vão precisar pagar uma taxa de R$ 20 para cada original enviado, valores que, de acordo com a editora, vão arcar com os custos de leitura crítica e posterior edição e revisão do material eventualmente aprovado. “Acredito que o tema vá despertar interesse de muitos autores, principalmente pelos segmentos e estilos narrativos que a obra vai abraçar”, explica o organizador, referindo-se às distopias e ao conhecido gênero steampunk.

Futuros alternativos e passados reimaginados

Atual “queridinha” da literatura fantástica, o gênero de distopia trata de futuros alternativos sombrios, envolvendo cataclismos sociais, ambientais e geralmente com sociedades mergulhadas no caos ou totalitarismo. “Como uma das temáticas principais da obra é justamente eventos relacionados quaisquer etapas de extinção da vida no planeta Terra, as distopias são quase que fundamentais para o livro”, diz o organizador.

Já o steampunk é o que Mário Bentes chama de “coadjuvante de luxo”. “Para sair das narrativas tradicionais, ampliamos a proposta da antologia para conter contos sobre passados alternativos, em que conhecimentos científicos ou tecnologias tradicionais são removidas de seus contextos históricos conhecidos e transpassadas para realidades paralelas, em uma espécie de futuro-do-pretérito hightech”, explica o escritor.

O resultado da fase de seleção, com a lista oficial de autores aprovados, será anunciado no dia 15 de junho de 2016, no próprio site da editora Lendari. A previsão de lançamento do e-book, segundo Mário Bentes, é outubro de 2016. “Acredito que será uma obra diferenciada, que pode emocionar, impressionar e apresentar ao leitor importantes questões sobre a vida na Terra. Não sabemos como ela vai acabar, mas sabemos que vai”, reflete Bentes.

Dados do livro

Título: O último Gargalo de Gaia: distopias, steampunk e dias finais
Organizador: Mário Bentes
Capa: Marina Ávila
Editora: Lendari
Ano: 2016
ISBN (e-book): 978-85-69243-07-6
Fanpage do livro: https://www.facebook.com/oultimogargalodegaia


Sobre o Autor

Jornalista e escritor. Autor de "A terra por onde caminho" (2012), organizador de "Quando a selva sussurra: contos amazônicos" (2015) e editor-executivo da editora Lendari.

Comentários