Especial Dia da Mulher: As 3 Maiores Vilãs de Todos os Tempos | O Noveleiro

Publicado em 8 de Março de 2017 | Por Juliano Santiago | Colunas, Entretenimento, O Noveleiro

Chegou o dia Internacional da Mulher, e nesta lista estão mulheres que fogem completamente do padrão. Elas são responsáveis por tirarem as mocinhas do sério. Mesmo não sendo portadoras da melhor índole, são capazes de conquistar o público e virarem Divas. A verdade é que elas são o tempero especial para uma boa trama. Difícil dizer se as obras teriam a mesma repercussão e impacto se não fosse por elas. Elas são as vilãs… Melhor que isso… Elas são: “As 3 Maiores Vilãs de Todos os Tempos”.

1. Odete Roitman

Autoritária, forte, esnobe, poderosa e, após a morte do marido, tornou-se presidente do grupo Almeida Roitman. Achando-se superior a tudo e a todos, a megera morava em Paris e odiava o Brasil. No capítulo 193, exibido durante a véspera de natal de 1988, a vilã Odete Roitman foi assassinada com três tiros. O mistério durou apenas 13 dias, mas foi o suficiente para virar assunto nacional, lançava-se a pergunta: “Quem Matou Odete Roitman?”.

2. Nazaré Tedesco

Repleta de inúmeras maldades e autoestima inabalável, Nazaré Tedesco foi aclamada pelo público como uma das melhores vilãs de todos os tempos. Seus bordões e expressões caricatas até os dias de hoje são bem populares entre os usuários de diversas redes sociais. A personagem rendeu à atriz Renata Sorrah inúmeros prêmios. Segundo o Autor Aguinaldo Silva, a vilã estará de volta em uma nova trama. Enquanto esse dia não chega o público poderá matar a saudade de ‘Senhora do Destino’, que será reprisada pela Rede Globo a partir do dia 13 de março.

3. Carminha

Criada no lixão, Carmem Lúcia é a grande vilã de ‘Avenida Brasil’, último sucesso da Rede Globo. A vilã é idolatrada constantemente por grande parte do público. Atualmente sendo reprisada em pequenas partes pelo ‘Vídeo Show’, a trama continua agradando o grande público que sonha por uma reprise no ‘Vale a Pena Ver de Novo’. No ano de 2012 uma frase icônica da vilã tomava conta das redes sociais: “É tudo culpa da Rita!”. Carminha acabou atrás das grades e teve seu fim histórico onde tudo começou: No Lixão.

 


Sobre o Autor

Criador do blog 'O Noveleiro', Juliano Santiago costuma falar sobre o universo televisivo de uma maneira diferente. Conhecido por seu espírito crítico e bem humorado, Juliano se destaca no meio da comunicação ao fazer Resenhas e Crônicas voltadas para o público jovem. www.onoveleiro.wordpress.com

Comentários