Audiência pública debate limitação da internet fixa nesta sexta em Manaus

Publicado em 5 de maio de 2016 | Por Thiago Henrik | Manaus, Notícias, Tecnologia

Não é mais novidade pra nerd nenhum no Brasil que nossa estilo de vida e o mundo como o conhecemos está sob séria ameaça após as empresas de Telecomunicações se unirem para foder a gente, querendo impor limites de dados na internet fixa, do jeito que fazem com a internet móvel. A decisão vai afetar usuários, empresas, veículos de comunicação e produtores de conteúdo, como o Mapingua Nerd. Quem vai gastar seus dados pra baixar o último episódio do nosso podcast se precisa dar prioridade para aquele arquivo importante da faculdade? Sem falar no problema que teremos pra fazer upload desse conteúdo, pra começo de conversa.

Enquanto o presidente da Anatel arrota asneiras por aí, como culpar os gamers pela medida, várias pessoas estão se mobilizando na tentativa de tentar impedir que esse apocalipse tecnológico se cumpra. Um abaixo-assinado online no site Avaaz já passou de 1,6 milhão de assinaturas, e uma ideia de projeto de lei para proibir o limite da internet foi enviada ao Senado através do portal e-cidadania e alcançou 20 mil apoios em seis dias, sendo então encaminhada para a Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) na forma de Sugestão Legislativa.

Em Manaus, a OAB-AM está organizando uma audiência pública para esta sexta (06), às 15h, com a presença de especialistas em Tecnologia da Informação e de órgãos de defesa do consumidor para desenvolver um manifesto contra a limitação de dados da internet fixa. A ideia é explicar como essa medida vai afetar as famílias e empresas.

A audiência reunirá a OAB-AM, Defensoria Pública, Ministério Público Estadual (MPE), Procon, Câmara Municipal de Manaus (CMM) e Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM). O evento acontecerá no miniauditório da OAB-AM, na Av. Humberto Calderaro Filho, nº 2.000, Adrianópolis.


Sobre o Autor

veste Capa-e-Espada despojado, seus ̶h̶o̶b̶b̶i̶t̶s̶ hobbies favoritos são: filmes massa-velho, histórias de fantasia e séries sobre paradas estranhas. Já alcançou o 7º sentido, destruiu o Um Anel na Montanha da Perdição, chegou ao último andar da Torre Negra, retirou a espada da pedra e perdeu muitos pontos para a Grifinória. Gosta mais de cachorro que de gente, Não abre mão do segundo café da manhã e costuma esquecer que o mundo não está em seus livros e mapas. Instagram: @thiabolico

Comentários

  • Robson Loureiro

    Uhu! Muito legal! Se eu tivesse livre ia lá fazer uma matéria em vídeo pra vocês. Se puderem mandar alguém lá pra acompanhar a audiência seria massa. O problema não é nem limitar nossa internet, porque isso é uma tendência mundial. O lance é que querem limitar oferecendo os mesmos pacotes de internet muito mais caros. É absurdo isso! Praticamente não teremos opção no futuro a não ser fazer como muitos fizeram com os celulares dois chips. Pagar duas franquias de internet pra quando acabar uma já ter outra. Será que não percebem essa loucura? Brasil voltando à internet da década de 90 é muito perto do fim da humanidade.